Podemos dizer que as atividades voltadas ao controle da jornada de trabalho, se remetem ao registro e armazenamento, dos horário de entrada, intervalo e saída de cada funcionário de uma determinada empresa.

E, em busca de promover a efetividade dessas atividades, foram criados maquinários específicos com alto teor técnico, como o relógio biométrico.

Em termos gerais, podemos definir esse relógio como principal aparelho, em meio aos outros que realizam essa suposta função, pois através dele é possível realizar os registros e o armazenamento por parte da leitura da impressão digital, códigos de barras, simplesmente pelo acionamento de cartões de proximidade ou digitação da senha.